No século XIX, Singapura era uma colônia de comércio britânica, mas quando conquistou a independência se transformou um dos países mais prósperos da Ásia: hoje faz parte dos Tigres Asiáticos e possui o porto mais movimentado do mundo! Lá, você irá se deparar com arranha-céus super modernos e também com...

Leia Mais
  • População 5.399 milhões

  • Hora local 20:04

  • 1 Dólar de Singapura R$ 2,50

  • Temperatura local 26.48º Ver previsão

Calcule quanto irá custar sua viagem para Singapura

Atrações turísticas em Singapura

Veja todos

Encontre a hospedagem perfeita para você

As melhores opções de hospedagem em Singapura

Hospedagem em Singapura

menor valor maior valor
Albergue R$ 85,80 R$ 544,77
Pousada R$ 171,60 R$ 171,60
Hotel R$ 199,44 R$ 1.302,27
Apartamento R$ 426,01 R$ 576,36

Alimentação em Singapura

Média de preços por dia com base em centenas de experiências

  • Café da manhã


    R$ 18,21 SG$ 7.29 a R$ 38,59 SG$ 15.45
  • Almoço


    R$ 29,97 SG$ 12.00 a R$ 74,93 SG$ 30.00
  • Jantar


    R$ 40,06 SG$ 16.04 a R$ 85,33 SG$ 34.16

Guia Singapura

No século XIX, Singapura era uma colônia de comércio britânica, mas quando conquistou a independência se transformou um dos países mais prósperos da Ásia: hoje faz parte dos Tigres Asiáticos e possui o porto mais movimentado do mundo! Lá, você irá se deparar com arranha-céus super modernos e também com construções com traços clássicos orientais – o que torna o local ainda mais inusitado e interessante. 

O clima tropical, a comida saborosa, as boas compras e a vibrante vida noturna completam a atmosfera da cidade-estado. O lugar é também considerado uma obra de arte do design urbano contemporâneo, surpreendendo quem pensa que se trata de uma cidade insular pacata. No entanto, se você não abre mão de um descanso em meio à natureza, não tem problema, pois Singapura tem uma praia artificial que não deixa a desejar. 

Muitas pessoas conhecem Singapura por causa do turismo de negócios e de compras, mas a cidade-estado surpreende o tempo todo! Essa metrópole do século XXI está em constante mudança e oferece atrações variadas. Singapura conta com um calendário repleto de festivais e outros eventos de diversas áreas, como artes, esportes e gastronomia, que atraem turistas de todos os cantos do mundo. E como a entrada não é rigorosa para diversas nacionalidades, incluindo brasileiros, o fluxo de viajantes na região é alto.

É importante saber que, embora esteja do sudeste asiático, não é um destino barato, como outros lugares próximos. Pelo contrário, por ser uma cidade-estado super moderna e com uma ótima infraestrutura, é mais cara que a média dos países da região. Porém, lembre-se de que é possível reduzir os custos de forma considerável comendo street food e aproveitando o transporte público local.

Uma das formas de aproveitar mais a essência da cidade é estar por dentro da programação de eventos. Singapura é cheia de festivais religiosos, culturais, artísticos e comerciais. Há alguns eventos anuais bastante importantes, como o Ano Novo Chinês que ocorre em fevereiro, a Fórmula 1 e o esperado Festival das Lanternas, ambos em setembro.

Como é formado por diferentes povos: malaios, chineses, indianos, além de expatriados de todo o mundo, é um local bastante internacional e que tem várias línguas oficiais. O governo sempre insistiu para que todos falassem inglês, mas, na prática, muitas pessoas falam um idioma híbrido, o Singlish, que pode deixar os turistas completamente perdidos. Isso tem mudado com as novas gerações, no entanto, ainda é presente.

Como chegar

Como Singapura está situada no Sudeste Asiático, não há uma forma simples de chegar. Não há voos diretos do Brasil, então sempre haverá no mínimo uma conexão. Os voos são longos, com cerca de 24h ou mais, dependendo da sua conexão. Porém, todo os esforço valerá a pena, pois logo ao chegar na cidade-estado, você desembarcará no aeroporto de Changi, considerado o melhor do mundo! O local é até um ponto turístico, pois conta com várias atrações, como cinema gratuito e até piscina!

As principais companhias que realizam o voo partindo de Guarulhos, em São Paulo, são a Ethiopian Airlines e a LATAM, através das parcerias com outras companhias, como British Airlines, Emirates, Lufthansa e Singapore Airlines, entre outras.

O aeroporto de Changi se encontra a 20 km do centro e o trajeto pode ser realizado por táxi, trem ou ônibus. A maneira mais rápida e fácil é por táxi, que se encontra logo na saída do aeroporto. Os taxímetros são sempre utilizados em Singapura e os preços são razoáveis.

Para economizar e sentir a cidade logo nos primeiros momentos, você pode optar por transporte público. No caso, trem o ônibus. O transporte da cidade é barato e funciona bem. A linha de ônibus do aeroporto é a 36/36ª e você encontra os pontos nas saídas dos terminais 1,2 3. A estação de trem se encontra nos terminais 2 e 3. Saindo do aeroporto por trem, você deve descer na estação Tanah Merah para continuar a viagem e então fazer as baldeações até o seu destino.

Há ainda a opção de transfer e outros tipos de veículos. O Ground Transport Desk é um guichê 24 horas localizado no desembarque de cada terminal. Oferece transportes com taxas fixas para qualquer destino em Singapura, o que é um bom negócio, especialmente quando a fila de táxi é longa ou após a meia-noite, quando o preço da bandeira do táxi aumenta. 

Vida noturna

Há quem diga que Singapura roubou o posto de Nova York de “Cidade que nunca dorme”. Com diversão garantida para as 7 noites da semana, a cidade-estado conta com uma oferta incontável de bares e casas noturnas que vibram até o amanhecer! E não é preciso ter medo de ir noite adentro. Como as multas são altíssimas para quem descumpre as leis, dificilmente algo ruim irá acontecer. Fica a dica!

Nos últimos anos, grande parte da reputação da cidade se deve à crescente popularidade de algumas casas noturnas de renome internacional, para não mencionar alguns bares espetaculares nos topos dos arranha-céus.

O melhor da vida noturna na cidade está na região central, ou seja, você pode jantar em  Chinatown, ir para a Marina Bay para tomar um drinque enquanto aprecia a vista e depois curtir o resto da noite em Clarke Quay. Aliás, um dos pontos favoritos dos locais e dos turistas é o Clarke Quay. Com localização privilegiada, à margem do rio e com uma vista deslumbrante, nesse complexo você encontra uma variedade bares, pubs e restaurantes com música ao vivo. O ambiente é descontraído e perfeito para curtir as noites quentes ao ar livre.

E não dá para deixar de lado uma visita aos famosos bares nos rooftops de Singapura. Existem vários! Desde a sua abertura em 2010, o resort Marina Bay Sands tem sido o principal ponto turístico da cidade quando o assunto é apreciar a vista. No 57º andar, existem algumas opções de bares e até uma cada noturna. No hotel ainda há um cassino para quem gosta de apostas.

Se você procura algo mais sossegado, no Gardens by the Bay todas as noites acontece o Garden Rhapsody, com árvores artificiais que se acendem de acordo com o ritmo da música! Outro espetáculo imperdível é o Wonder Full, na Marina Bay. Trata-se de um show de projeções na água. Ambos podem ser feitos em família.